Membros

Quem Suportaria?


Quem suportaria da casa quentinha sair
Em uma noite de inverno,
Só para uma visita cumprir?
Oh Deus!Quem suportaria,
Num domingo a tarde andar,
Com um sol a escaldar,
De casa em casa visitar?

E que cristão suportaria,
Numa quente noite de Sábado,
Em vez da balada curtir,
Para o culto de jovens ir?

Quem suportaria,lavar,passar,cozinhar,
Tudo de uma vez fazer,
Para o Círculo de Oração não perder?
Só existe uma resposta,
Plausível e com louvor,
Tudo isso suportaria,
A Família do Pastor!

Que coração suportaria,
Após amizades fazer,
Na escola acostumar,
Num grupinho se encaixar,
A Igreja abraçar e depois
Para trás tudo deixar??

Que coração aguentaria,
Pela miléssima vez,
E com muita altivez
A mudança arrumar
Da casa as portas fechar,
Para os amiguinhos acenar
Com uma lágrima no olhar...
Sem lamentar, como se fosse normal
Deixar para trás uma história total,
Uma vida vivida, construída,
Um jardim regado, cuidado, acalentado
Sem saber no que vai dar?

Quem conseguiria
Manter o sorriso nos lábios
Mesmo por dentro a chorar?
Quem poderia,
Com uma prece agradecer
Os pratos emborcados na mesa
O guarda roupa vazio
Por muito tempo assim viver.
E Os pés doloridos de andar?
Num campo longínquo sem par?
Sem sombra, amígos ninguém!
Eu sei e conheço bem
Uma família assim
Que em meio a dor do olhar
Come o duro pão
como se fosse um manjar.

Que Cristão em são juizo
Caluniado e humilhado
Diante de uma platéia
Consegue ficar paraddo
Oferecendo a outra face
diante da família pasma
Que sofre terrores extremos
Silenciosamente quieta...

Quem suportaria
A extrema traição de "amigos e irmãos"
Mas que empurram, afastam, dando um chega prá lá
Se preciso for pra garantir seu lugar.
Que homem conseguiria esta façanha viver
Sem "descer a mão na cara"
Sem a justiça fazer!
Apenas observando, os algozes de então,
Substituindo o pedido de perdão
por leves"tapinhas nas costas"
Achando que vai resolver!

Como animais desastrados,
Inconsequentes, esfomeados
Devorando o próprio irmão!
Que chora escondendo a dor,
Da traição, do desamor.
Quem? Quem suportaria essa dor?
Quem conseguiria doar extrema dose de amor,
Um homem consegue isso, esse homem é O Pastor!

Que pessoas são essas que vivem na terra assim
Sem procurar fama ou glória
Tendo no serviço o fim.
Não são primeiras nem últimas
Com misto de alegria e dor,
Quem suporta tudo isso
É a família do Pastor.

Escrito por Soneide Cardoso de S. Luz - Salvador, 18/05/2009. Direitos reservados)